728 x 90

14 estudantes disputam concurso de pintura de pontos turísticos em Rondônia

Quatorze estudantes de escolas estaduais de várias cidades de Rondônia participaram da final do concurso “Rondônia e suas belezas naturais“, realizado na frente do palácio Rio Madeira, sede do governo do Estado em Porto Velho. O evento aconteceu na sexta-feira (22).

Após várias seletivas, foram escolhidos 14 alunos finalistas para enfrentarem o desafio de pintar uma paisagem regional em uma tela. A confecção das obras ocorreu no paço do palácio diante de servidores e visitantes. As pinturas foram executadas simultaneamente, no prazo estabelecido de duas horas.

Logo após o término do tempo, os jurados avaliaram as obras pela criatividade, originalidade, coerência, temática, composição e repeito ao limite de tempo.

A vencedora do concurso foi a estudante Sara Mendonça Mesquita da Silva, de Pimenta Bueno. A jovem de 13 anos pintou o Vale do Apertado e ganhou uma viagem para o Rio de Janeiro.

O segundo lugar ficou com a boliviana Arely Zilem, de 14 anos, que estuda em uma escola de Costa Marques. Ela pintou uma paisagem do Rio Guaporé, fronteira fluvial entre Brasil e Bolívia, e ganhou um notebook.

A aluna Damares Senhorino, de 13 anos, da cidade de Mirante da Serra ficou em terceiro com a representação da Cachoeira do Ratunde. Ela levou um tablet como premiação.

O concurso foi realizado através de uma parceria entre a Secretaria de Estado da Educação, Superintendência Estadual de Turismo e Assembleia Legislativa. O autor da proposta, deputado estadual Jhony Paixão (Republicanos), contou ao G1 que viu em um filme a história de um aluno que melhorava na escola através da arte.

“Nós vimos um filme que retrata a situação de um aluno que ninguém entendia ele e do nada ele foi pra outra escola em que o professor identificou que ele tinha um problema e ele ganhou um campeonato de desenho. Esse melhor desenho lá virou a capa de um livro e o vencedor aqui, os ônibus da Seduc do Estado vão ter o desenho dele”, explicou.

Os participantes chegaram na capital com dois dias de antecedência para conhecer os pontos turísticos da cidade e se inspirar para a produção das obras.

De acordo com o Governo do Estado, as obras serão expostas por dois meses na Casa da Cultura Ivan Marrocos.

Fonte: G1.Globo

Comentarios

os comentaio sao de sua problia responsabilidade *

Novidades

TOP 10 Musicas

  • banner lateral 2