728 x 90

Estudantes formam corrente solidária virtual para não perder o ‘Campus Unir’ em Porto Velho

Com constantes atrasos, frota reduzida e ônibus quebrados no transporte coletivo de Porto Velho, usuários de linhas de ônibus da capital estão buscando páginas em redes sociais e grupos em aplicativos de mensagens para tentar reduzir a agonia pela espera do ‘busão’. A linha Campus Unir, que faz a rota do centro da cidade até o campus da Universidade Federal de Rondônia (Unir), é tema de um grupo em um aplicativo de mensagens.

Os estudantes da Unir usam o grupo principalmente para informar a localização dos ônibus que fazem a linha, mas no espaço também há momentos de “achados e perdidos”, divulgação de festas e ofertas de doces e artesanatos que os acadêmicos vendem para ajudar a custear livros e o próprio transporte.

O criador da página é o estudante de Engenharia Civil Nayron Bruno, que usa a linha diariamente para ir até o campus, na BR-364. Ele contou ao G1 a história da página e diz que a ideia inicial era fazer os desabafos, mas, como é comum na internet, as situações cotidianas acabaram virando memes.

“A página do Twitter foi criada despretensiosamente pra falar a verdade. O objetivo inicial era simplesmente ‘desafogar’ a minha conta pessoal das inúmeras reclamações diárias que eu fazia sobre os problemas que eu enfrento diariamente com o transporte público de Porto Velho, como superlotação e o sucateamento”, lembra.

Criada em novembro de 2017, a página “Perdi o Campus Unir?” tem cerca de 900 seguidores. Na descrição da rede social o administrador se apresenta como “um jovem tão conformado com o transporte público que chega ao ponto de fazer piada”.

Na página, uma das estudantes que faz o uso do transporte coletivo montou um questionário online para que os alunos respondessem o que achavam do serviço prestado na linha.

Fonte: G1.Globo

Comentarios

os comentaio sao de sua problia responsabilidade *

Novidades

TOP 10 Musicas

  • banner lateral 2