728 x 90

Representantes da Endemias de Presidente Médici, RO, alertam para cuidados com lixo no quintal

Os servidores também destacaram atuação do combate ao aedes aegypti.
Durante a entrevista, o Alcedino e Marcão atenderam ouvintes.

Marcão e Alcedino foram entrevistados nesta quata.
Foto: Edilene Silva

 

A Endemias de Presidente Médici (RO), Região Central, representada pelos servidores Alcedino e Marcão, fez um balanço dos trabalhos nos últimos três meses no município.

De acordo com o servidor Marcão, a Endemias é muito bem recepcionada por empresários e moradores de forma geral do município, quando o fiscal vai fazer o seu trabalho. Clique e Ouça abaixo a fala do servidor:

 

 

Ele também lembrou que atualmente está muito melhor os números do Lira, responsável por medir o índice de infestação do mosquito aedes aegypti, que é transmissor de pelo menos seis tipos de doença segundo as organizações Unidas da Saúde. Ouça a fala do servidor abaixo:

 

 

Sobre o lixo deixado durante a cavalgada, Alcedino que é o responsável pela Endemias no município, disse que o brasileiro precisa tomar mais cuidado com a maneira como se comporta em eventos, especialmente. Já Marcão disse que é uma cultura nossa sujar e não limpar e que o país inteiro é envergonhado com atitudes como estas e lembrou a presença de torcidas em estádios, que limparam as arquibancadas após partidas da Copa do Mundo. Clique abaixo e ouça:

 

 

Quanto aos produtores rurais que tem dúvidas a respeito da infestação de mosquitos nas represas de criação de peixe e tanques de forma geral, das propriedades rurais, os representantes da endemias alertaram que isto só é possível, se o mosquito for ‘importado’ da cidade em algum vaso de planta para a zona rural. Ouça a fala:

 

 

 

 

 

Da Redação do Mix Rondônia

Comentarios

os comentaio sao de sua problia responsabilidade *

Novidades

TOP 10 Musicas

  • banner lateral 2