SANDY E JUNIOR TIVERAM A 2ª TURNÊ MAIS RENTÁVEL DO ANO EM TODO O MUNDO

0
0

A Pollstar, empresa especializada no setor de shows musicais, divulgou uma lista com as 20 turnês musicais mais rentáveis em todo o mundo no ano de 2019. Os brasileiros Sandy e Junior ficaram em segundo lugar com sua tour de reunião, ‘Nossa História’ – perdendo apenas para o astro Elton John, que está se despedindo dos palcos.

Apenas no quesito bilheteria, a Pollstar levantou que Sandy e Junior conseguiram faturar um pouco mais de US$ 2,2 milhões, em média, por cada show. Na cotação atual do dólar, isso significa um valor superior a R$ 9,4 milhões. Antes do encerramento da ‘Nossa História’, no último mês de novembro, o faturamento total da turnê já era estimado em cerca de R$ 35 milhões.

Considerando que Sandy e Junior realizaram 18 apresentações no total, isso significaria um ganho bruto, em bilheteria, de cerca de US$ 40,6 milhões – algo em torno de R$ 168 milhões.

NÚMEROS ESTRANHOS?

Os números apresentados pela Pollstar, no entanto, são estranhos e podem ser contestáveis, visto que a publicação não esclarece exatamente o que eles significam.

Consta que o primeiro colocado da lista, Elton John, teria tido um faturamento de US$ 2,8 milhões (R$ 11,9 milhões) em bilheteria por show. Ele realizou 105 shows, o que teria gerado uma renda total de cerca de US$ 294 milhões. Os dados batem de frente com outro importante veículo: a Billboard, que indica que o astro britânico teve a quarta turnê mais bem faturada do ano, com cerca de US$ 194 milhões.

A lista da Pollstar segue, nesta ordem, com os nomes de Phil Collins, Guns N’ Roses, Muse, Post Malone, Ariana Grande e Jonas Brothers. O nono colocado, curiosamente, é o ator Hugh Jackman, com sua turnê onde apresenta canções dos musicais em que atuou.

Acima de Elton John, a listagem da Billboard traz três nomes que nem sequer apareceram no ranking da Pollstar: Ed Sheeran, Pink e o grupo BTS. Além disso, a revista não apresenta o nome de Sandy e Junior.

METODOLOGIA E MÉRITO

A pesquisa da Pollstar considera a média bruta de bilheteria por cidade e o preço médio dos ingressos. Os dados são fornecidos pelos próprios empresários dos artistas e promotores dos eventos. É possível inferir, portanto, que a lista da empresa considera apenas o universo de dados que eles possuem e ignora o restante.

Isso não significa tirar o mérito de Sandy e Junior, que depois de passar por 11 capitais brasileiras, além de Nova York e Lisboa, mostrou que é, de fato, “imortal”: ao todo, vendeu mais de 567 mil ingressos.

Após 12 anos de separação dos irmãos, as apresentações de Sandy e Junior começaram em 12 de julho deste ano e seguiram até 9 de novembro, em um show homérico na cidade do Rio de Janeiro – que vai virar especial no Globoplay, acompanhando uma série documental em 7 episódios sobre a carreira da dupla.

Fonte: Revista.Cifras

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here