728 x 90

Setembro termina com chuvas abaixo da média em 16 capitais, além do Distrito Federal

O mês de setembro termina com chuvas abaixo da média em 16 capitais, além do Distrito Federal. As áreas em branco do mapa mostram chuva perto da normalidade. As áreas em amarelo e laranja ficaram mais secas, com chuva abaixo da média. Em alguns locais do Nordeste como São Luis, Teresina e Fortaleza as médias já são baixíssimas e mesmo assim choveu menos do que o normal. Em Brasília também não é esperada muita chuva, mesmo assim, só choveu 9 mm. Em Palmas não ocorreu nenhuma chuva agrícola, que é acima de 10 mm. Porém, como a chuva e o vento são os faxineiros da atmosfera, o ar fica menos poluído e a natureza, de forma geral, agradece. Em tempo: chuva abaixo de 10 mm não é significativa para modificar o solo que está muito seco.
“As perspectivas para setembro sempre foram de pouca chuva na maior parte do país. Entretanto, neste ano, as massas de ar seco persistiram por muito tempo nas áreas centrais e isso prejudicou a circulação de umidade do Norte para o Sudeste e Sul, que começam a ser mais comuns a partir de agora,” explica o meteorologista César Soares.

Confira quanto choveu em cada região:

Região Norte : em Manaus, apenas no dia 28/09, choveu 121,2 mm, mais do que era esperado para todo o mês. Duas pessoas morreram durante este temporal.
Centro-Oeste: a chuva ficou abaixo do normal em toda a região.
Nordeste: Salvador chamou a atenção com 30 mm a mais e Maceió com 91 mm a menos.
Sudeste: Vitória e Rio de Janeiro tiveram mais chuva do que o normal.
Sul: em Florianópolis choveu bem menos do que a metade do esperado para setembro.

Previsão primavera 2019

De acordo com a previsão climatológica, o que é esperado baseado em médias dos últimos 30 anos, aos poucos, a umidade aumenta na região Norte, Centro-Oeste e Sudeste. O calor aumenta e por isso as pancadas de chuva ficam mais frequentes. As chuvas do mês de dezembro apresentam os maiores volumes de chuva do ano, fundamentais para o equilíbrio dos reservatórios. Porém, de acordo com o meteorologista da Climatempo, a regularidade das chuvas só deve acontecer no mês de novembro e um dos maiores prejudicados é o agricultor.
” Existe um tempo certo pra plantar. Muitos agricultores já começam a semear agora, no início da estação que deveria ser chuvosa. Mas como as chuvas desta primavera devem atrasar, isso pode prejudicar a germinação e por consequência atrasar e prejudicar a colheita,” completa César Soares.
Fonte: G1.Globo

Comentarios

os comentaio sao de sua problia responsabilidade *

Novidades

TOP 10 Musicas

  • banner lateral 2
  • Farmacia preço baixo